segunda-feira, 24 de janeiro de 2011

Ficha de leitura de "Lisbon Revisited (1923)"

1. O poema constrói-se, essencialmente, com base num discurso que o «eu» poético dirige a uma segunda pessoa do plural.

     1.1. Demonstre a veracidade da afirmação, considerando o modo verbal e a função da
             linguagem predominante.

2. A acumulação de construções negativas, nas três primeiras estrofes, remete para uma
     recusa.

     2.1. Explique, por palavras suas, aquilo que o sujeito poético recusa.

3. Comente a interrogação retórica presente no verso 11.

4. A par da recusa referida em 2., o sujeito poético afirma os seus «direitos».

     4.1. Refira-os, justificando a sua resposta com passagens do poema.

5. A décima estrofe constitui uma espécie de parêntesis no discurso do sujeito poético.

     5.1. Identifique o sentimento que aí se revela.

     5.2. Indique a que época da vida do sujeito poético se reporta esta estrofe e a respectiva
             simbologia no contexto do poema.

     5.3. Interprete a expressividade dos adjectivos presentes nos versos 28 a 31.

     5.4. Demonstre, remetendo para passagens do texto, que o sentimento que liga o sujeito
             poético à cidade de «Lisboa» se prende com os direitos por ele apregoados em estrofes
             anteriores.

6. Esclareça o sentido da última estrofe, demonstrando que ela se relaciona intimamente com o verso 4: "A única conclusão é morrer."

7. Relacione o título do poema - "Lisbon Revisited" - e o conteúdo da décima estrofe (vv. 28-33) com o quadro de Miguel Yeco.

1 comentário :

Raquel . disse...

seria bom ter a correcção deste questionário... mas adoro o blogue !

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...