terça-feira, 3 de abril de 2012

A Educação n'«Os Maias»

     Uma das temáticas centrais do romance de Eça é, inequivocamente, a educação.
     Este facto compreende-se porque a problemática, de acordo com a estética naturalista, é fundamental na caraterização das personagens e porque assume, nas obras do escritor, uma representatividade considerável.
     O quadro a seguir apresentado sintetiza a forma como a temática é abordado em Os Maias:


     Esta temática surge outras vezes aflorada ao longo do romance, essencialmente para, através dela, delinear uma imagem das conceções que sobre o assunto eram desposadas pela alta sociedade lisboeta.
     Um desses momentos é representado por uma das senhoras do círculo dos Gouvarinhos, que expressa a opinião de que «não havia verdadeiramente senão uma coisa digna de se estudar, eram as línguas», pois tudo o mais eram «coisas inúteis na sociedade» (p. 294). O próprio conde de Gouvarinho, raciocinando com base em esquemas mentais idênticos, insurge-se contra a ginástica nos colégios; e pergunta ao deputado Torres «se, na sua ideia, os nosso filhos, os herdeiros das nossas casas, estavam destinados para palhaços!...» (p. 298).

Sem comentários :

Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...