quinta-feira, 22 de fevereiro de 2018

A (mini) notícia com mais erros do mundo


     O Exame certamente reprovaria num exame escrito.

     Vamos à lista?

     1.º) A palavra site é um empréstimo, logo deveria ser motivo de destaque (itálico ou aspas).

     2.º) Aquela vírgula a seguir ao GN "os jornais" na realidade está a separar o sujeito do correspondente predicado. Será que a pontuação se alterou entretanto, ou esta é uma daquelas falhas básicas?

     3.º) Folha é o nome de uma publicação brasileira, pelo que deveria vir, também, destacada no texto.

     4.º) "(...) vão ao encontro às suas(...)"? Que calamidade é esta? Como se não bastasse a habitual confusão entre "ir ao encontro de" e "ir de encontro a", agora temos uma variação bem criativa: "ir ao encontro a". Fantástico!

A concordância do sujeito com o verbo


     Já sabemos que a gramática da língua portuguesa não é coisa para amadores, porém há erros que são incompreensíveis, independentemente da pessoa que os cometa. Quando estamos a falar da imprensa, a coisa atinge foros de escândalo.

     Se o sujeito da frase é "A equipa de cheerleaders da Coreia do Norte", por que carga de água o verbo está conjugado no plural?

     Por outro lado, o escrivão da notícia ignora também o facto de cheerleaders ser um empréstimo, pelo que necessita de ser destacado na frase - a itálico ou através de aspas.

     Como diria Maria Flor Pedroso, assim se escreve mau português.

O seu carro pode ser "hackeado"


     A notícia pode ser encontrada aqui [Observador].
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...