quinta-feira, 3 de fevereiro de 2011

Bruce Willis

Acordo Ortográfico III - Acentuação

3. Acentuação

          3.1. Desaparece o acento gráfico nos(as):

      Palavras graves com o ditongo tónico oi:
               - asteróide asteroide
               - jóia joia
               - heróico heroico
               - bóia boia
               - espermatozóide espermatozoide
               - jibóia jiboia

      Formas verbais terminadas em eem:
               - crêem creem
               - dêem deem
               - descrêemdescreem
               - lêemleem
               - relêemreleem
               - revêem → reveem
               - vêem → veem

      Os verbos arguir e redarguir:
               - «arguir»:
                    . argúisarguis
                    . argúiargui
                    . argúemarguem
               - «redarguir»:
                    . redargúisredarguis
                    . redargúiredargui
                    . redargúemredarguem

      As palavras graves homógrafas de palavras com vogal tónica aberta ou fechada:
               - pára (forma do verbo parar) → para
               - para (preposição)
               ~ pélo (forma do verbo pelar) → pelo
               ~ pêlo (nome) → pelo
               ~ pelo (contracção de «por» e «o»)
               - péla (forma do verbo pelar) → pela
               - péla (nome) → pela
               - pela (contracção de «por» e «a»)
               ~ pêra (nome) → pera
               ~ pera (preposição arcaica)


          3.2. Usa-se, facultativamente, o acento nos casos seguintes:

      Na forma do verbo «dar» no presente do conjuntivo: dêmos ou demos

      No nome feminino: fôrma ou forma

      Nas formas verbais terminadas em -ámos (pretérito perfeito do indicativo dos verbos da
         primeira conjugação (de tema em -a):
               - andámos ou andamos
               - amámos ou amamos
               - cantámos ou cantamos
               - jogámos ou jogamos

          NOTA: O acento circunflexo mantém-se nas formas verbais pôde (3.ª pessoa do singular do pretérito perfeito do indicativo do verbo «pôr»), para a distinguir da correspondente forma do presente do indicativo (pode), em em pôr, para estabelecer a diferença gráfica entre esta forma verbal e a preposição por.

Acordo Ortográfico II - Maiúsculas e minúsculas

2. Maiúsculas e minúsculas

          2.1. Passam a escrever-se com letra minúscula

     · Os meses do ano:
               - janeiro, fevereiro, março, abril, maio, junho, julho, agosto, setembro, outubro,
                 novembro, dezembro

     · As estações do ano:
               - primavera, verão, outono, inverno

     · Os pontos cardeais e colaterais:
               - norte, sul, este, oeste
               - nordeste, noroeste, sudeste, sueste, sudoeste, és-nordeste, és-sudeste, és-sueste,
                  nor-noroeste, nor-nordeste, oés-noroeste, oés-sudoeste, su-sudeste, su-sueste,
                  su-sudoestes

     No entanto, no caso dos pontos cardeais, se as designações se referirem a uma região, ou quando se usam as correspondentes abreviaturas, escrevem-se com inicial maiúscula:
               - Tu és um homem do Norte, carago!
               - A Josefina casou com o Napoleão no Sul de França.

     · As designações usadas para mencionar alguém cujo nome se desconhece ou se prefere evitar:
               - fulano
               - sicrano
               - beltrano



          2.2. Usa-se facultativamente a minúscula ou maiúscula nos seguintes casos:

     · Disciplinas escolares, cursos e domínios do saber:
               - Língua Portuguesa ou língua portuguesa
               - Inglês ou inglês

     · Nomes de vias, lugares públicos, templos ou edifícios:
               - Convento de Almofala ou convento de Almofala
               - Avenida 25 de Abril ou avenida 25 de Abril
               - Rua Adelino Amaro da Costa ou rua Adelino Amaro da Costa
               - Mosteiro dos Jerónimos ou mosteiro dos Jerónimos

     · Formas de tratamento e dignidades:
               - Santo António ou santo António
               - Senhor Doutor ou senhor doutor
               - Exmo. Senhor ou exmo. senhor

     · Títulos de livros ou obras, excepto o primeiro elemento e os nomes próprios que se grafam com
        maiúscula inicial:
               - Memorial do Convento ou Memorial do Convento
               - O Retrato de Dorian Gray ou O retrato de Dorian Gray
               - O Crime do Padre Amaro ou O crime do padre Amaro

Acordo Ortográfico I - Alfabeto

1. Alfabeto

          O Acordo Ortográfico (AO) introduz as letras k, w e y no alfabeto português. Deste modo, ele passa a ser constituído por 26 letras: a, b, c, d, e, f, g, h, i, j, k, l, m, n, o, p, q, r, s, t, u, v, w, x, y, z.

          Estas letras passam a usar-se nas seguintes circunstâncias:

     · Nos antropónimos de origem estrangeira e nas palavras que deles derivam:
               - Darwindarwinismo
               - Kantkantiano

     · Nos topónimos de origem estrangeira e nas palavras que deles derivam:
               - Kosovokosovar
               - Washingtonwashingtoniano

     · Nas siglas, símbolos e unidades de medida internacionais:
               - kg (quilograma)
               - km (quilómetro)
               - www (world wide web)
               - WC (Water Closet)

     · Nas palavras de origem estrangeira de uso corrente:
               - kart
               - yoga
               - windsurf
               - windsurfista
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...