quinta-feira, 10 de fevereiro de 2011

Epigramas de Marcial

          Caríssimos alunos, depois de iniciar a correcção dos vossos testes, fui obrigado a arejar. Recuperei, então, leituras de faculdade e decidi Marcial consultar para o cérebro, contundido, aliviar:


                    Homem belo e de valor
                    Queres, Cota, parecer.
                    Mas um homem, sendo belo,
                    De valor não pode ser.

                              ***

                    Se bem me lembro, Élia, tu tinhas quatro dentes;
                    Uma tosse cuspiu dois e outra tosse, mais dois.
                    Já tu podes sem susto os dias inteiros tossir,
                    Que uma terceira tosse o que tirar mais não tem...

                    Segura, noites e dias,
                    Podes tossir a fartar;
                    Podes, que tosse terceira
                    Já não tem que te levar.
                   

                    Você quer, professor, saber
                    Que lucro meu sítio dá?
                    Me dá este lucro, professor:
                    Não vejo você por lá.
                              ***

                    Quinto ama Taís.
                    Que Taís? A caolha.
                    Ela é cega de um olho,
                    Ele é cego dos dois.

                              ***

                    Diaulo era médico
                    Agora é coveiro;
                    Aquilo que faz como coveiro,
                    Já o fazia quando doutor.

Sem comentários :

Enviar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...