sábado, 19 de janeiro de 2013

Classicismo

         O Classicismo é uma estética que estabelece um rigoroso sistema de regras próprias dos vários géneros literários: o épico (representado entre nós pel' Os Lusíadas); o lírico (com as suas formas fixas, como o soneto e o seu verso decassílabo, a canção, a écloga, a elegia, a epístola, o epigrama, a ode, a sextilha, o epitalâmico e o ditirambo); dramático, representado pela tragédia e pela comédia.

         As suas principais características são as seguintes:

. Exaltação do Homem (antropocentrismo), em contraste com o teocentrismo medieval.
. A verdadeira Arte tem por base a imitação, ou seja, deve haver a imitação da Natureza pela Arte, sendo a paisagem sempre amena ("locus amoenus"), idealizada, convencional e artificial, excluindo o insólito ou acidental, a fim de poder refletir o intemporal, o eterno, o essencial.
. Predomínio da razão sobre o sentimento, evitando-se os voos da imaginação e os caprichos da fantasia.
. Imitação dos autores gregos e latinos, adotando temas, usando a mitologia, criando formas poéticas e introduzindo géneros literários.
. Valorização da Arte como expressão de cultura, estudo e bom gosto.
. Sujeição a regras rígidas de conteúdo e forma.
. Justa proporção, equilíbrio e comedimento, de tal forma que as personagens se comportassem de harmonia com a sua condição social, se omitissem expressões e vocábulos grosseiros, não se tratassem assuntos escabrosos, se proscrevessem cenas violentas e cruéis.

Sem comentários :

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...